sexta-feira, 4 de dezembro de 2015

“Decisão será política, não sei se pressão popular irá preponderar”, diz Alvaro sobre impeachment

Uma Comissão Especial da Câmara Federal analisa as razões para o impeachment. Para que o processo siga para o Senado, são necessários 342 votos, dois terços do total de deputados.

Mega-Sena

O senador ainda não recebeu explicações da Caixa Econômica Federal, sobre a trapalhada na divulgação do resultado do sorteio da Mega-Sena do último dia 25, quando a Caixa anunciou que o prêmio havia acumulado e, durante a madrugada, surgiu um ganhador.  “Ainda não recebemos a resposta. Num primeiro momento a Caixa informou que houve um equívoco de publicação, com informações do sorteio anterior, mas se for é um grande equívoco, um equívoco imperdoável. A Caixa tem que ter mais eficiência, até por conta do histórico desses precedentes. A caixa tem que ter mais respeito com a população, com os apostadores, com essa legião de sonhadores”, cobrou.

Leia a íntegra do ofício encaminhado à CEF

Desde 2004 Alvaro Dias vem denunciando a manipulação de resultados e lavagem de dinheiro por meio de prêmios da loteria: “nós provamos (as irregularidades) com informações sigilosas e inclusive o nome dos ganhadores. Teve um cidadão que ganhou 525 vezes, outro 300 e pouca e outro 206 vezes. Houve um cidadão que cobrou 107 prêmios num só dia, em sete modalidades”, argumentou.

Entre os instrumentos propostos pelo senador para evitar que as loterias da Caixa sejam utilizadas para lavagem de dinheiro está a identificação completa dos ganhadores, a verificação de antecedentes criminais, além da verificação da reincidência de saques: “Primeiro, ao sacar o prêmio, o vencedor deve comprovar a origem dos recursos de suas apostas. Segundo, o gerente somente poderá pagar o prêmio após a comunicação prévia à Central de Loterias, bem como ao Coaf, ficando o saque bloqueado até informações dos referidos órgãos. Terceiro, o saque fica condicionado à identificação completa do sacador e à verificação se o mesmo tem antecedentes criminais, com a comunicação com a Polícia Civil de cada Estado onde se localiza a agência”, enumerou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário