quarta-feira, 4 de março de 2015

Marco Aurelio defende que processos da lava jato nao tenham sigilo

Brasília - No dia em que é esperado que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, envie ao Supremo Tribunal Federal (STF) os pedidos de abertura de inquéritos contra autoridades citadas na Operação Lava Jato, o ministro Marco Aurélio Mello defendeu a publicidade dos fatos. "Penso que, na administração pública, a mola mestre é a publicidade. É o que viabiliza a eficiência, pelo acompanhamento da imprensa e pelo acompanhamento dos cidadãos em geral", disse, ao chegar para sessão das turmas do Supremo. 

Ministro Marco Aurélio durante sessão do STF

Nenhum comentário:

Postar um comentário