terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Mais de mil policiais militares atuarão na segurança do primeiro Re x Pa do ano

Uma reunião realizada na manhã desta terça-feira (20), no Estádio Olímpico do Pará (Mangueirão), definiu o esquema de segurança para os torcedores e demais providências para a realização do jogo entre Clube do Remo e Paysandu, o primeiro Re x Pa do ano, marcado para quarta-feira (21), às 21 horas. O jogo é válido pela Primeira Copa Amazônia de Futebol. Segundo o coronel Cavalcante, da Polícia Militar, serão mobilizados 1.050 policiais militares, a partir de 15 horas, para atuação no entorno do Mangueirão, sob o comando do capitão Moura. Uma hora depois o precursor da PM começará a revista na área do estádio e o portão do setor B3 será aberto para os vendedores ambulantes.
Os portões serão abertos ao público às 18 horas. As torcidas organizadas entrarão em horários distintos. A torcida do Paysandu terá acesso das 17 às 18 h, pelo portão B2; enquanto os torcedores do Clube Remo poderão entrar das 18 às 19 h, pelo setor A2. A Polícia Militar também vai atuar com 49 viaturas nos arredores do estádio.
Ingressos – Na reunião também foi definido que a venda de ingressos continuará sendo feita nas Centrais Bis de Eventos (na Avenida Braz de Aguiar e shoppings), sedes dos clubes e nas bilheterias dos estádios dos clubes, ao preço de R$ 100,00 (cadeira) e R$ 50,00 (arquibancada), com direito à meia-entrada.
Na quarta-feira haverá venda de meia-entrada, nas bilheterias do Mangueirão, ao preço de R$ 25,00, de acordo com os seguintes horários: torcedores do Paysandu a partir de 8 horas, na bilheteria B1, e torcedores do Clube do Remo a partir de 14 horas, no portão A2.
A Copa Amazônia de Futebol é realizada pela empresa New Creation Sporting Group, com sede em Miami (EUA), que trabalha com grandes clubes. O representante da empresa no Pará, o empresário Geraldo Magela, disse que, em Belém, “queremos dar o pontapé inicial nessa paixão do futebol, que aqui é grande e tem dois excelentes times, Clube do Remo e Paysandu. Queremos fortalecer os times, e não tem nada melhor do que jogar”. Ele disse ainda que a renda dos jogos “vai para os clubes de Belém”.
A partida entre Clube do Remo e Paysandu terá arbitragem de Dewson Fernando Freitas da Silva, paraense que faz parte do quadro de árbitros da Federação Internacional de Futebol (Fifa) desde o ano passado. O clássico do futebol paraense será a primeira partida de um triangular que será encerrado no domingo (25), com o jogo entre o vencedor do Re X Pa e o Esporte Clube Bahia, de Salvador (BA). 
Também participaram da reunião representantes da Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, Departamento de Trânsito (Detran), Guarda Municipal de Belém, Vigilância Sanitária do Município, Juizado da Infância e Adolescência, Secretaria Municipal de Economia (Secon), Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel) e do Clube do Remo e Paysandu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário