sábado, 20 de dezembro de 2014

Consumidor vende casa para pagar conta de energia abusiva, no Pará

As cobranças indevidas e abusivas nas contas de energia elétrica continuam entre as principais reclamações da Proteção e Defesa do Consumidor (Procon). Um consumidor teve que vender a casa para pagar uma conta de aproximadamente R$ 4 mil. De acordo com o Procon, se o consumidor se sentir lesado ou quiser saber o motivo do aumento, ele pode pedir explicação à concessionária de energia.

O advogado do consumidor, Dennis Verbicaro, explica que o consumidor pode exigir da concessionária uma revisão de consumo, visto que não houve alteração no número de equipamentos eletrônicos em uso e nem de pontos de luz em sua residência. "A concessionária é obrigada a fazer uma analise técnica e apresentar uma resposta fundamentada para justificar essa revisão", explica o advogado.

A conta de luz do segurança, Maurito Amaral, chegou a quase R$ 4 mil. O segurança teve que vender a casa onde morava para pagar a dívida e conta que tentou por várias vezes negociar com a empresa, a opção dada pela concessionária foi que o segurança desse o valor de 30% e parcelasse em seis vezes o restante da dívida. 

"As contas que eu estava acostumado a pagar nunca chegaram nem a R$ 200 reais, e aí chega uma conta de quase R$ 4 mil, eu me vi em uma situação difícil, eu não tinha como fazer, comecei a me apavorar por que quando eu vi, meu nome estava sujo e não vi outra alternativa se não botar a casa a venda para poder pagar, eu lutei uma vida para ter essa casa e agora eu tive que vender", diz.

A Concessionária de Energia Elétrica do Estado do Pará (Celpa) ainda não se posicionou sobre o assunto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário