sábado, 29 de novembro de 2014

Seduc garante reforma e merenda para Escola Santa Maria de Belém

Soluções para o problema no fornecimento de água e na reforma das instalações, e a garantia do processo de eleição direta para novos diretores, foram apresentadas por dirigentes da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) a estudantes e gestores da Escola Estadual de Ensino Fundamental Santa Maria de Belém, no bairro Batista Campos, em reunião na manhã desta quinta-feira (27).
Para regularizar o fornecimento de água, Aldo Queiroz, do Grupo de Gestão do Programa Pacto pela Educação do Pará, e a assessora Mônica Altman, informaram aos professores e estudantes que uma empresa já foi contratada pela Seduc para garantir o fornecimento. “A empresa Sanecon já providenciou amostras da água do poço da escola, para verificação da potabilidade. Vamos ter o resultado na semana que vem. A Seduc também contatou a Companhia de Saneamento do Pará (Cosanpa) para verificar eventual alteração no sistema de abastecimento de água para o estabelecimento de ensino”, disse Aldo Queiroz.
A Seduc também garante a conclusão de 85% dos serviços de reforma da escola, cujas obras foram interrompidas em função do desligamento da empresa que havia vencido a licitação. Os gestores da Secretaria disseram que as obras serão retomadas tão logo seja confirmada a contratação da empresa que ficou em segundo lugar no processo licitatório. A Secretaria Adjunta de Logística e o setor jurídico da Seduc estão monitorando o processo, para dar uma resposta positiva o mais rápido possível à comunidade escolar.
Sobre o processo de escolha dos novos gestores da escola, os diretores da Seduc informaram que a Secretaria deve acelerar a regularização do Conselho Escolar e encaminhar o processo de eleição direta para diretor.
Merenda – Sobre o fornecimento de merenda escolar, os representantes da Seduc disseram que ainda nesta quinta-feira (27) foi providenciada a entrega para a escola de 100 quilos de mingau de três cereais, 20 caixas de bebida láctea, 80 quilos de macarrão, 100 quilos de achocolatado, 10 quilos de biscoito e 10 quilos de sal, garantindo o fornecimento da merenda aos alunos.
Os gestores afirmaram que nunca houve falta de merenda na “Santa Maria de Belém”, pois no dia 28 de outubro foram entregues à escola quatro fardos de açúcar, 10 caixas de mingau de tapioca, 10 caixas de chocolate com malte e 20 caixas de macarrão parafuso com molho.
Pacto - Em sintonia com as diretrizes do programa Pacto pela Educação do Pará, que visa elevar em 30% o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (deb), a Escola Santa Maria de Belém desenvolve uma série de programas e projetos, mobilizando estudantes e educadores, como o Programa Ensino Médio Inovador e Jovem de Futuro (ProEmi/JF) e a prevenção ao trote, com o apoio dos órgãos de segurança pública. Esta ação é coordenada pelo aluno Lucas Belém, que participou da reunião.
Também estiveram presentes a vice-diretora da instituição, Lisa Maria; Magali Gouvêa, diretora da Unidade Seduc na Escola (USE 3); a professora Cídia Costa e as técnicas Aguida Costa e Alzira Carvalho, além de uma comissão de estudantes formada por João Carlos, Lucas Belém, João Malcher, Pedro Reis, Cláudia Rodrigues, Warley Santos e Marta Moura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário