domingo, 31 de agosto de 2014

AÉCIO CRITICA MARINA: “NÃO BASTA APENAS TIRAR O PT”.

 "Passarei a torcer contra ela um dia depois da posse", disse Mainardi, ex-Veja
247 – O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, partiu para o ataque contra a adversária do PSB, Marina Silva, que cresceu nas pesquisas e empatou com a presidente Dilma Rousseff (PT), deixando o tucano na terceira posição da corrida eleitoral. Para Aécio, "não basta apenas tirar o PT" do poder, "é preciso ter um projeto político que ofereça segurança ao Brasil".
No programa de TV transmitido neste sábado, Aécio afirmou: "Eu respeito a Marina. Ela também é uma pessoa com boas intenções. Mas a gente já viu que, para mudar tudo o que está errado, é preciso muito mais do que isso". Segundo ele, "sem experiência, sem força política, o sistema engole as boas intenções da noite para o dia". Para o tucano, "sem força política, a mudança não acontece".
Com o discurso, o presidenciável critica também a doutrina pregada por Diogo Mainardi, ex-Veja e comentarista da Globonews, e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), seu próprio cabo eleitoral. Os dois defendem um vale tudo para tirar o PT do poder. Mainardi, por exemplo, disse que defenderá Marina até que ela seja eleita. "Passarei a torcer contra ela um dia depois da posse", disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário