quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Carvalho defende patrocínio ao MST

O ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, afirmou nesta quarta-feira 26 que os eventos promovidos pelo MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra) continuarão a ser patrocinado por estatais.
"O dinheiro público pode e deve ser utilizado para estimular todas as formas de organização de cidadania e de produção. Seguiremos patrocinando. É próprio de um governo democrático patrocinar  iniciativas que convirjam para bem da sociedade", disse.
A última manifestação do MST ocorreu em Brasília há duas semanas e reuniu 15 mil participantes, segundo cálculos da Polícia, e 16 mil, de acordo com MST, durante o 6º Congresso Nacional do MST, realizado há duas semanas em Brasília. Ato foi estimado em R$ 1,6 milhão e teve incentivo da Caixa Econômica Federal, o BNDES e a Petrobras.
Movimento criticou duro o governo, mas depois foi recebido pela presidente Dilma Rousseff.

Nenhum comentário:

Postar um comentário